Google+ PENSAMENTOS LIBIDINOSOS: Lugares sem nome...

Translate/Traduza

Lugares sem nome...










Em algum lugar, a tua boca tece, àvida,

o calor húmido e doce...

Em algum lugar, o teu gemido cala o som das esferas...

Em algum lugar, a tua dança extasiante,

confunde o espaço e o tempo...

Em algum lugar, amor, paixão e sexo,

não terão nenhum sentido...

Em algum lugar, serás o imaginário nunca imaginado...

Em algum lugar...



Barão de Campos

2 comentários:

Nilza disse...

em algum lugar
desse imaginário,
imagino um rosto
sempre povoando
a minha imaginação,
que me assombra,
que é a minha sombra,
paixão, divina loucura.
Em algum lugar...

Carmen Regina Dias disse...

Em algum lugar, um Poeta faz amor
com as palavras,
e elas, tão diáfanas, tão sorrateiras,levam-no para o alto a
mar, e por sobre as águas,
o incendeiam.

As ondinas acodem a socorrê-los,
mas, o poeta, já era,
agora é uma salamandra em pleno ar.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails